Suspeito de executar casal no Belo Jardim é preso pela Polícia Civil

Delegado só se manifestará após conclusão do inquérito

Investigadores da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil prenderam na manhã desta terça-feira (24), mais um suspeito da morte do casal Tereza da Silva Santos, 64 anos, e Cosmo Ribeiro Moura, 43 anos, ocorrido dia 16 de janeiro deste ano.

O quarto envolvido no crime, de acordo com o delegado Martin Hessel, responsável pelo inquérito que apura o caso, seria quem executou o casal. O suspeito foi preso na região Belo Jardim, bairro onde se deu o crime.

Durante o cumprimento do mandado de prisão temporária, o homem não esboçou reação e foi capturado pelos policiais. Ele foi levado para a sede da DHPP, onde prestou depoimento sobre o caso.

O casal foi morto a tiros e a golpes de terçado em uma residência localizada no Ramal do Macarrão, na Travessa Castanheira, Belo Jardim I, em Rio Branco. O delegado Martin Hessel afirmou que as investigações sobre esse caso continuam e que só se pronunciará sobre o assunto após a conclusão do inquérito policial.

Fonte: Agazenta.net

.

Veja também