Diego Hypólito lembra depressão e fala do namorado: “Alguém que me faz bem”

Após assumir publicamente ser homossexual em depoimento para o UOL, Diego Hypólito disse estar bem no amor. O ginasta olímpico de 32 anos preferiu preservar a identidade do namorado, com quem está junto há um ano e meio.

“Estou namorando, mas identidade não revelada. O importante é que é alguém que me faz bem”, disse ele no programa “Sensacional”, da RedeTV!, que vai ao ar hoje.

Na entrevista para Daniela Albuquerque, Hypólito se lembra de quando enfrentou uma depressão, diagnosticada em 2014. Ele diz que chegou a pensar em suicídio e afirmou ter superado o problema.
“Não sei porque fiz isso, acho que era um período de muito desespero. Quando a gente tem uma crise de ansiedade, a gente não sabe o motivo. Eu tomei remédio durante dois anos e hoje em dia não tomo mais, estou curado”, diz.

“O esporte me construiu uma fortaleza como pessoa. Se não fosse o esporte não teria me tornado forte, não teria conhecido o mundo todo, não teria tido oportunidades financeiras, e isso precisa ser para todos, não só para o Diego. Muitos talentos se perdem no meio do caminho”, defende.

Fonte: UOL

Veja também